A leitura me faz tão bem…Tenhos alguns livros Maravilhosos para indicar: A Arte da Guerra, O mundo de Sofia, A Ordem do Progresso esse muito bárbaro e atualmente estou lendo A mulher e seus hormônios…esse é meio louco mas da pra aproveitar muita coisa,viu meninas, rs…Quem sabe eu   não volto a escrever artigos para um Jornal do meu Estado?…Já faz um tempão desde o ultimo…
Tenho que admitir que andei um periodo afastada dos livros…Essa paixão ou vamos dizer aproximação com os livros começou quando eu era ainda criança…Eu ficava fascinada com as histórias que minha VÓ "Maria Bandeira" me contava, meu pai também passava horas me contado antes de eu dormir ta certo que as vezes eles inventavam umas absurdas que só crinça mesmo pra acreditar e lembro também da minha mãe tentando convecê-lo a não fantasiar, mas ela não imaginava o quanto eu viajava naquela mundo fascinante… Agradeço muito ao meu pai e minha vó por esse vasto envolvimento que tenho com esse mundo literário que hoje é restrito à poucos nesse mundo onde tudo é encontrato pronto… Lembro de ocasiões em que meus professores não acreditaram em composições escritas por mim só porque eu era muito novinha, que o diga uma professora implicante de filosofia que um dia fez com que eu redigisse um texto de 30 linhas em sua presença, porque achou que eu tinha trazido um pronto de casa, mas ai ela comprovou que era eu quem escrevia, rs. Já as professoras de portugues, estas ficavam admiradas com minha facilidade com a escrita… Eu gosto muito de portugues creio que as pessoas que me conhecem sabem disso, quantas redações não fiz para colegas, abafa… Que o diga minha redação no ENEM que quando fiz tirei nota 96…Ô periodo bom esse…Pasmem,mas de certo, cheguei até uma vez a escrever um discurso para um pronuncimento de um político…Quando eu tinha 21 anos resolvir escrever meu primiero artigo para um jornal, eu lia de tudo um poucode economia à política,  meu pai vivia dizendo que eu dava pra ser politica, não sei de onde ele tirou isso… sempre fui curiosa e qual não foi minha surpresa quando o publicaram,rs…dai não parei mais, creio que cheguei a escrever para este "Jornal" uma média de uns 20 ou mais artigos ate perdir a conta…"Uma vez em São Luis(MA) quando eu ainda cursava Pedagogia, uma colega da faculdade perguntou meu sobrenome, ai eu respondi:Bandeira, pq? Ela disse a eu só queria confirmar…é que teus artigos estão sendo utilizados em um cursinho pré-vestibular e minha irmã estuda neste cursinho; ela levou ate as copias pra eu ver"…Fiquei muito supresa, mas também muito feliz por poder está cooperando ou compartilhando com outros jovens que sonham em fazer parte de uma sociedade participativa e consciente…
 
Beijinhos Vovó e mega abraço Papai te amooooo…