Anorgasmia

Anorgasmia é a inibição do orgasmo feminino que se manifesta após a excitação sexual. Pode estar relacionada a fatores psicológicos e biológicos como falta de intimidade com o próprio corpo e com o parceiro, fatores religiosos e tabus, falta de informação, insegurança, medo de engravidar, traumas sexuais, baixa auto-estima, estresse, ansiedade e ainda alterações neurológicas, lesões na medula ou no sistema nervoso periférico, álcool, drogas e outros.

A anorgasmia pode ser:

Primária se a mulher nunca atingiu o orgasmo;

Secundária quando por algum motivo ela se inibe;

Total quando nenhum estímulo é capaz de fazer com que a mulher chegue ao orgasmo;

Situacional quando a inibição ocorre em determinadas situações.

O tratamento para a anorgasmia varia de acordo com cada caso, mas basicamente é feito através da psicoterapia que cria condições para que a pessoa se conheça mais, para que aumente sua auto-estima e segurança, facilita a comunicação com o parceiro entre outros.